1. Skip to Menu
  2. Skip to Content
  3. Skip to Footer>



Planejamento Sistêmico e Compartilhado do Futuro Unifesp

A criação da Pró-Reitoria de Planejamento da Universidade Federal de São Paulo, em outubro de 2011, marca o início do Planejamento Sistêmico e Compartilhado do Futuro Unifesp, cujo objetivo é promover, de forma participativa, o alinhamento contínuo da instituição em torno de uma visão de futuro comum a todos os seus integrantes.

Este processo de mobilização institucional será composto por três etapas:

Investigação Apreciativa


Conferência de Busca do Futuro Unifesp


Consolidação Estratégica

O gerenciamento deste ciclo está ao encargo de Núcleo Estratégico e sua operacionalização é responsabilidade de Núcleo Operativo, ambos sob a coordenação da Pró-Reitoria de Planejamento.

Investigação Apreciativa

Dias 28 e 29 de fevereiro

A Investigação Apreciativa ocorreu no âmbito do Núcleo Operativo e do Conselho Universitário, respectivamente em 28 e 29 de fevereiro de 2012.

Nesta etapa, a metodologia para o Planejamento Sistêmico e Compartilhado do Futuro Unifesp foi apresentada e praticada através de rodadas de diálogos com moderação de facilitador externo.

O conteúdo produzido por esta investigação é o ponto de partida para estruturação da Conferência de Busca do Futuro da Unifesp.

Os membros do Conselho Universitário efetuaram suas inscrições para a Conferência de Busca do Futuro da Unifesp e definiram os segmentos que serão representados nas próximas etapas do processo.

Conferência de Busca do Futuro da Unifesp

Dias 30 e 31 de Março e 1º de abril

A Conferência de Busca do Futuro da Unifesp foi realizada ao longo de três dias de imersão em hotel localizado nas proximidades da cidade de São Paulo com a participação de 120 pessoas.

Este evento é destinado à descoberta de “base comum” de significados, inspirações e desejos coletivos para a construção do Futuro da Unifesp.

A Conferência estimula novas formas de relacionamento na instituição dentro e fora: mais flexíveis, cooperativas, igualitárias e informais. Pessoas de diferentes posições hierárquicas podem se aproximar, novas parcerias podem se estabelecer, antigas divergências podem ser minimizadas.

Os membros do Conselho Universitário realizam suas inscrições até dia 2 de fevereiro e os demais convidados, de acordo com os segmentos definidos na Investigação Apreciativa, serão convidados a partir desta data.

A partir das discussões, ficou estabelecido a Base Comum de interesse com os seguintes temas .

Integração

Equilíbrio Ensino/ Pesquisa/ Extensão

Infraestrutura

Comunidade Valorizada e Propositiva

Gestão Participativa

Alcance da autonomia financeira

Reconhecimento Internacional

Unifesp - Universidade de Excelência

Sustentabilidade


Consolidação Estratégica

Na terceira etapa, a “base comum” descoberta na Conferência irá se solidificar e se transformar em obras concretas.

A Consolidação Estratégica  inicia com as reuniões setoriais a serem realizadas nos campi que seguirão o modelo da Investigação Apreciativa realizada com o Núcleo Operativo e Conselho Universitário da Unifesp.